Quero abrir uma empresa mas não tenho uma marca, e agora?

Tempo de leitura: 4 minutos

Construir uma empresa é uma tarefa árdua, mas muito prazerosa, pois é nela que você deposita os seus sonhos e o objetivo de ser um grande empreendedor. Dentre planejamentos financeiros, expectativas de lucro, parcerias estratégicas, análises de viabilidade e burocracia, você não quer se dar ao luxo de cometer um erro que pode atrasar todo o processo, acertei? Esquecer a sua marca é a mesma coisa que ter um filho sem nome, quando alguém precisar dele, não irão saber por quem procurar. Veja estes 7 passos para garantir que a sua empresa comece bem.

1. Entenda o valor de uma marca

Vamos começar pela parte mais importante e crucial para o sucesso do projeto: você entende o valor que uma marca terá durante a vida da sua empresa? A marca é a percepção que o cliente ou consumidor terá gravado em sua mente em relação a sua empresa. Uma marca representa credibilidade, confiança e força dentro do mercado, e possibilita que uma empresa diferencie-se dos seus concorrentes. Sua construção é baseada em resultados de longo prazo, e é por isso que marcas estabelecidas há muito tempo, como a Coca-Cola, por exemplo, definem o tom de todo um mercado.

2. Procure por profissionais especializados

Como um empreendedor consciente, você não irá pedir o filho do seu amigo que sabe usar um computador fazer a identidade da sua empresa, muito menos pra ele criar um nome bacana porque está fazendo curso de idiomas e consegue achar uma palavra legal, correto? Neste caso, a melhor escolha é procurar por profissionais especializados, que irão guiar você e a sua empresa durante a construção de uma identidade de marca sólida e eficiente.

3. Ajude a entender a sua necessidade

O briefing inicial é fundamental para entender se a sua empresa precisa de uma estratégia completa, partindo desde a criação do nome, estratégia, identidade visual e comunicação corporativa, ou se necessita de etapas específicas. Sempre que possível, busque contribuir com dados que você acredita que sejam relevantes para o projeto.

4. Participe ativamente do projeto

A pessoa mais qualificada para descrever a sua empresa é você mesmo, e por isso a participação em todos os processos do projeto é fundamental para que ele esteja alinhado com os seus objetivos. Busque participar das etapas criativas, tornando-se parte da equipe da agência e sabendo exatamente o rumo que o projeto está tomando.

5. Planeje, organize-se e tenha paciência

Em geral, a criação de uma estratégia de marca sólida, abordando todos os pontos fundamentais para um projeto de sucesso, pode levar de 4 a 6 meses, e em casos especiais, até mais tempo. Portanto, é fundamental iniciar este processo logo após a decisão de abrir uma empresa, assim, na hora de registrar a sua empresa e abrir as portas, você já estará com tudo pronto. Uma marca não é apenas um símbolo em um cartão de visitas, é um portal para uma experiência completa do consumidor com a sua empresa, dê total prioridade para isso.

6. Registre a sua marca e fique seguro

Recomendo, com muita ênfase, que todos os meus clientes registrem as suas marcas antes de lançá-las no mercado. O motivo? O registro permite que você seja único em seu ramo de atuação, evitando associações maldosas com empresas que podem vir a embarcar em seu sucesso e tentar copiar alguns elementos da sua marca, como nome e logotipo. Nesta etapa, a maioria das agências irá prestar auxílio, indicando profissionais para proceder com este registro, porém, você pode efetuar as consultas que achar necessárias diretamente no site do INPI, que é o órgão que fiscaliza o registro de marcas e patentes em nosso país.

7. Firme parcerias e ative a sua marca

Seu projeto está concluído e tudo está pronto para lançar a sua marca no mercado, mas você sabe como fazer isso? Este é um erro cometido por muitos empreendedores, que acreditam que o projeto termina quando a marca for concluída, porém, é preciso manter uma comunicação recorrente com seus clientes para gerar conhecimento da marca e trazer novas oportunidades para a empresa. Neste caso, existem muitas opções para serem exploradas, como o marketing outbound, marketing digital e o tão falado inbound marketing. Em todos os casos, você precisará de uma equipe especializada para gerenciar as mídias e pontos de contato da sua marca, além de verificar se a comunicação está alinhada com a estratégia.

#Bônus – Engaje seu time com a sua marca

Faça com que os seus colaboradores sejam os maiores Brand Lovers, assim eles vestirão a camisa da sua empresa e irão vendê-la com um lugar no qual amam estar e almejam o sucesso acima de tudo. Isso irá refletir no mercado de uma forma totalmente positiva, fazendo com que a sua marca seja notada e torne-se referência por ter colaboradores engajados com a proposta de valor.